Grupo
05_17729798654e8b106f07854.jpg
06_17649310914e8b109835ec9.jpg
07_18339923957b5dd673b728.jpg
02_16067418245058b03cb07ae.jpg
04_5973322895058b04c13be6.jpg
09_3346800545058b05eafe48.jpg
11_14707682535058b06a013ff.jpg
12_157070824857b5ddafe27b2.jpg
13_14987539505058b08b2109b.jpg
14_10699926075061d2d883905.jpg
header1_3164082354c0c858061bd.jpg
header2_61566470154c0c86846030.jpg
03_681185263582363c215063.jpg
02_2085006950582363baf390b.jpg
01_1561509101582363a70b41b.jpg
01/10/2010
Martifer conclui parque fotovoltaico de 2,5 MW na Ilha do Sal

A Martifer Solar, detida pela Martifer SGPS, SA, e o Ministério da Economia, Crescimento e Competitividade (MECC) de Cabo Verde inauguraram hoje, na Ilha do Sal, o primeiro de dois parque solares fotovoltaicos contratados em Janeiro.

O Primeiro-Ministro de Cabo Verde, Dr. José Maria das Neves, presidiu à cerimónia de inauguração do parque solar fotovoltaico.

Instalado em estruturas fixas, este parque, localizado na Ilha do Sal, é um projecto chave-na-mão, desenvolvido na sua totalidade pela Martifer Solar e utiliza painéis solares produzidos na sua fábrica em Oliveira de Frades.

O parque ocupa uma área de 9,75 hectares e tem uma potência de 2,5 MW, com possibilidade de ampliação em mais 2,5 MW até 2014, e é, até à data, a maior central fotovoltaica do continente africano.

O segundo parque, a inaugurar em Novembro, está localizado na ilha de Santiago e terá uma potência instalada de 5 MW.

As duas centrais assegurarão a produção de cerca de quatro por cento da electricidade total produzida em todo o arquipélago e evitarão a emissão de 13 mil toneladas por ano de CO2.

"É uma honra para nós participar neste projecto, que se revela de especial importância para Cabo-Verde. A energia produzida pelos novos parques solares permitirá uma melhoria significativa na qualidade de vida das suas populações”, refere Henrique Rodrigues, CEO da Martifer Solar.

 

Download: Press Release (190KB)